Salve os Bastardos do Distrito 9!

Em meio a Mostra Internacional de Cinema, resolvi fazer um post reunindo pequenos comentários sobre três filmes que vi durante a semana passada: Salve Geral, Bastardos Inglórios e Distrito 9.

Salve Geral

Salve Geral

O primeiro longa é, infelizmente, o brasileiro que vai nos representar na corrida pelo Oscar em 2010. Já adianto que a Academia deverá deixá-lo de lado, pois o filme tem uma série de problemas. Ninguém o recebeu bem, nem a crítica especializada, nem a comunidade de cinéfilos blogueiros. Salve Geral tem um roteiro superficial, que não consegue abordar a intrincada questão da segurança pública e das facções criminosas nos presídios. O longa deixa um sensação de impotência diante da realidade, mas não é crítico o suficiente para se sustentar. Se você quer fazer um filme que não ofereça finais felizes, tem que acertar a mão. Enfim, a direção de Sergio Rezende avança aos trancos e barrancos, de forma pouco fluida e também não consegue tirar boas atuações de um elenco que poderia oferecer bem mais do que vemos.

Bastardos Inglórios

Bastardos Inglórios

Bastardos Inglórios, mais um acerto de Quentin Tarantino, pode parecer lento e sem objetivos claros, mas é nos diálogos e na estrutura temporal que o longa mostra sua mágica. Não é segredo que Tarantino possui um talento descomunal para construir diálogos antológicos, que dão vida a muitos de seus filmes. A lentidão de Bastardos se transforma em puro deleite. Outra questão interessante no longa é o tempo, que parece se protrair de maneira misteriosa, apurando ainda mais o deleite criado pelas mãos do diretor. Não falarei de todas as referências que o filme faz, assunto batido nas críticas a respeito, mas sim do tapa que recebemos ao final do filme. Quem não se deliciou com a cena final no cinema, com a “vingança histórica” a que assistimos? Cuidado, podemos estar mais próximos dos nazistas do que supomos…

Distrito 9

Distrito 9

Distrito 9 veio com todo o peso do nome de Peter Jackson e com ar de inovação para a ficção científica. E o maior problema do longa é este. Os alienígenas do filme, pretexto para todas as críticas sociais que foram apontadas resenhas afora, são demasiadamente parecidos com humanos. A única coisa que os torna aliens é sua forma grotesca, de resto são humanos excluindo e fazendo mal a humanos, coisa que vemos todos os dias nos noticiários. Distrito 9 é legalzinho, apesar da queda de interesse pela película no terço final, mas não está com a bola toda. Na minha humilde visão, foi superestimado. Mas de uma coisa eu sei: não se trata de um filme de ficção. Afirmação polêmica, confesso.

Amanhã tem mais Mostra Internacional de Cinema!

11 Comentários

Arquivado em Crítica

11 Respostas para “Salve os Bastardos do Distrito 9!

  1. “Salve Geral” é coisa de brasileiro que não sabe o que é cinema. “Bastardos” é o melhor do ano junto com “Deixa Ela Ela Entrar” e “Amantes”.

  2. Olá. Obrigado pela visita lá no “Cinéfilo”!🙂

    Desses três, ainda não assisti a Salve Geral. Iria hoje, mas contratempos aconteceram… Enfim…

    Nem vou comentar sobre os Bastardos de Tarantino. Perfeito e fim de papo. rs Mas ‘Distrito’… Que decepção. Na minha opinião, só não foi medíocre por causa de uma coisa da qual quase todos os outros críticos não gostaram: pedaços da narrativa em documentário. Mas depois o Neil se enrola todo com ela e a parte “não documentário”… Tadinho. Mais sorte da próxima vez… rs

    Vou ver se vejo Salve Geral nessa semana e volto aqui pra dizer o que eu achei!

    Abraço!

  3. E o Brasil, fez mais uma péssima escolha!

  4. ‘salve’ trata daquilo que nós todos já sabemos, violência, barraco, e palavrão. Não inova nem traz nada de novo, e Denise Weinberg acho que é o maior trunfo do filme.
    ‘bastardos’ é mais um clássico de tarantino e consegue ser a melhor estréia do ano até agora, e um dos mehores da década [!, sim eu gostei muito]
    ‘distrito’ tem um ator que carrega a trama de uma forma ótima, e consegue unir a onda sci-fi com problemas reais, ach oque esse é o grande diferencial desse ótimo longa.

  5. É, parece bastante claro que “Salve Geral” foi uma péssima aposta do Brasil…

    Já Bastardos, ah Bastardos…

    Quanto a “Distrito 9”, respeito as posições em contrário, mas não gostei muito não. Legalzinho só.

    Abraços,
    Renan

  6. Boa análise dos três filmes…
    Salve Geral é um fiasco de interpretação, Bastardos Inglórios é um dos melhores filmes desta temporada e Distrito 9 superestimado… menos ao que se propõe que é a de um filme deficção científica e mais a uma boa crítica social.

  7. Ah cara, vem criticar até a personalidade alien? Sinceramente tu não pescou a proposta do filme. Aliás, é campeão no “ser do contra”. Esse tipo de coisa é enfadonha e demonstra seu claro despreparo de entender a profundidade do tema.

    Se ater a um ponto como esse foi a crítica mais fraca que pude ler a respeito.

    Dessa vez você foi muito infeliz na colocação.

  8. Caro Leandro,

    não me considero “do contra”, apesar de achar que a unanimidade é sempre ruim. Fico feliz que você me considere assim, pois faço questão de levar a dúvida onde a certeza está espalhada.

    Mesmo assim, não me considero “do contra” pois muita gente não gostou de Distrito 9 e alguns, inclusive, concordaram com minha análise. Aliás, pelo que se pode notar de meu texto, não fiz uma crítica, mas um rápido comentário.

    Só fico receoso com sua fala ao me considerar “despreparado para entender a profundidade do tema”, o que denota um claro fundamentalismo ao não aceitar opiniões diversas. Fique à vontade para discordar de minhas colocações, mas ataque meus argumentos e não minha pessoa. Você não vai querer entrar em uma discussão sobre direitos humanos e história comigo, acredite.

    Abraços,
    Renan

  9. Pingback: Filme da Semana « Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos

  10. Pingback: Filme(s) da Semana « Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos

  11. Pingback: Filme da Semana « Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s